FAMOSOS QUE INICIARAM SUAS CARREIRAS NO MUNDO PORNÔ

Quando a gente vê essas pessoas cheias de glamour chegando em carrões para desfilar no tapete vermelho e derramar lágrimas com estátuas do Oscar nas mãos, nem dá pra imaginar que elas surgiram diretamente do mundo dos filmes pornôs.

Tem gente que assume isso numa boa, mas muitas celebridades tentam a todo custo ocultar a verdadeira origem de suas carreiras, como se atuar em filmes pornôs fosse algo cancerígeno.

De fato, quando a coisa acontece como no caso da apresentadora Xuxa, é complicado, graças as voltas que o mundo dá. Quem não se lembra do filme “Amor estranho amor“, em que a personagem interpretada pela Xuxa (na época uma jovem e inexperiente atriz) seduz sexualmente uma criança? Ninguém imaginaria na época de Amor estranho amor que aquela moça iria acabar virando a “rainha dos baixinhos” – Título que ante a cena do filme faz parecer uma piada, e moveria céus e terras para enterrar de vez o filme.

Dizem que a Xuxa mantém um escritório de advocacia que fica varrendo a internet o tempo todo para achar links de download do filme amor estranho amor pra tirar do ar. Quem desobedece, eles processam, sem piedade. A xuxa foi esperta e conseguiu comprar os direitos do filme, e é com base nesses direitos que ela obtém a autoridade para tirar o filme de circulação. Isso fez com que houvesse uma corrida do ouro por parte dos colecionadores para achar o “Amor, estranho amor”. Recentemente, uma notícia não muito feliz para a rainha dos baixinhos foi a que – como ela não pagou o combinado pelos direitos do filme – o produtor entrou na justiça, exigindo os direitos da obra audio-visual de volta, e se o juiz julgar procedente (se ela não pagou, não consigo pensar num jeito do juiz indeferir o pedido do cara) o filme pode voltar às telas de cinema e às prateleiras das videolocadoras.

Pessoalmente, acho uma babaquice sem tamanho tentar ocultar nosso passado, por mais indigesto que ele seja. Porra, gente, filme é filme. Mas como a nossa sociedade é hipócrita, e por isso temos que varrer a rainha dos baixinhos na cama com o molequinho (uma das crianças mais invejadas do mundo quando eu era guri), para debaixo do tapete. Para o mesmo lugar vão as relações homossexuais de um monte de galãs das novelas Globais que são e não podem se assumir porque “atrapalha a carreira” e fica nisso, todo mundo varrendo para debaixo do tapete o que não convém e posando de fodão para os flashes da revista Caras.

Lá fora é a mesma coisa. Por exemplo, a Cameron Diaz. Você sabia que ela surgiu dos filmes pornôs softcore? E que a exemplo da Xuxa, ela move céus e terras para evitar que o video surja no mercado? Cameron Diaz aparece de top less no filme, mas como os americanos são puritanos pra dedéu, ela passou um bom número de anos a tentar bloquear a distribuição de seu filme. Obviamente pouco adiantou e está à venda – mas certamente nas redes p2p estará disponível gratuitamente. Quem viu, descreve o filme como uma série de números sadomasoquistas com direito a chicotes e beliscões no bico dos seios, Cameron aparece dois terços do tempo e pouco menos de um terço de topless. Não muito mais.

Outra celebridade que eu nem poderia cogitar ter vindo da indústria pornô, é o David Duchovny, o Famoso Fox Mulder. David apareceu em um episódio de série pornô softcore antes que sua carreira decolasse. Então ele ganhou fama mundial como agente Mulder de Arquivos X e em seguida atuou como um viciado em sexo em “Californication”. Segundo os sites de fofocas, David também seria um viciado em sexo e por conta disso já teria passado por uma clinica de reabilitação para tratamento de sua vida sexual em 2008.



Mais um que provém dos pornôs softcore hardcore é Sylvester Stallone, o Rocky Balboa. Se você não sabia de onde vinha o apelido do personagem Rocky, vai descobrir aqui: Stallone era chamado na indústria pornô de Garanhão italiano. O cara ganhou míseros 200 dólares para atuar num filme que só foi realmente assistido quando Rocky, Rambo, Cobra e etc, tornaram Stallone famoso. O filme se chama The Party at Kitty and Stud’s. (O filme foi reeditado em versão softcore posteriormente à fama do astro. )

Enquanto Cameron e Duchovny provém dos filminhos pornôs que mostram pouco e insinuam muito, a próxima celebridade meteu o pé na jaca… Quer dizer, não necessariamente na jaca e não necessariamente o pé. O nome dele é Jackie Chan. Pouca gente sabe, mas um de seus primeiros trabalhos foi como um motorista que “pega um pega geral” numa comédia pornô oriental chamada “tudo em família”, que rolou na década de 70. Chan, mais maduro que 90% das celebridades com passado proveniente de filmes picantes, diz não se importar nem se envergonhar com o trabalho.

Quem vê o famoso "Joey" de Friends, (Matt LeBlanc) não pode imaginar que ele – numa curiosa seme- lhança com seu alter- ego de ator iniciante e meio estabanado Joey, começou em filmes de procedência duvidosa e temática pouco bíblica.Com uma conta bancária de fazer inveja a qualquer um, LeBlanc foi um dos que melhor escalaram a montanha do sucesso, partindo de series pornôs como The Red Shoe Diaries, que foi ao ar em meados da década de 90.

Falando em famosos que viraram maracujás, teve um que não apenas “emaracujou” como também virou governador da Califórnia. Isso mesmo, estamos falando de Arnold Sharzenegger, o Conan e o Exterminador do futuro. Antes de dar certo como montanha musculosa capaz de representar, o jovem austríaco posou nu para revistas gays. Na época, Arnold era conhecido apenas por vencer o Mister Olympia em 1970. Embora quando questionado Arnold e sua assessoria neguem veementemente que suas fotos foram para revistas gays. Eles alegam que foram fotos artísticas para Robert Mapplethorpe. Porém, sabe-se que Arnold já apareceu em pelo menos um filme pornô gay, feito por um amigo dele, que teria usado imagens reais de Arnold malhando firme sem a autorização do mesmo. Arnold ficou puto e não falou mais com o cara.

Uma celebridade que aparecia como veio ao mundo em filmes não necessariamente religiosos é Helen Mirren. Ela estava em Calígula – filme de 79 que dispensa apresentações. A mulher, que já ganhou oscar, bafta, globo de ouro, quatro emmys, e dois prêmios em Cannes, aparecia com tudo à mostra e em diversos tipos de coito grupal em cenas de Calígula.



Talvez a personalidade que obteve o maior sucesso graças a seus esforços em se vender com grande conteúdo erótico foi Norma Jean. Norma, uma morena baixinha e gostosa resolveu ficar famosa e só obteve a atenção eque merecia quando pintou os cabelos de louro e posou como veio ao mundo, inaugurando ao mesmo tempo o estereótipo da loura gostosa e burra e as capas da revista Playboy.Depois da transformação, Norma Jean deu lugar a ninguém menos que o mito Marilyn Monroe.

Fonte: Mundo Gump

GOSTOU? ENTÃO CLICA NO "CURTIR", VAI!

Clique AQUI e siga o Acidez mental no Twitter Clique AQUI e siga o Acidez Mental no Twitter
Imprima esta página

14//11/2013

VEJA TAMBÉM

  1. DESTAQUES DO ACIDEZ MENTAL

  2. OS 100 LINKS MAIS CLICADOS DE TODOS OS TEMPOS!
    O "FILÉ" DO ACIDEZ MENTAL!

  3. CELEBRIDADES CORNEADAS

  4. CIRCO DOS HORRORES: AS TOP 10 CELEBRIDADES QUE VIRARAM MONSTROS DEPOIS DE CIRURGIAS PLÁSTICAS

  5. OS TOP 10 MAIORES MICOS QUE CELEBRIDADES JÁ PAGARAM NO TWITTER

  6. TOP 10 CASAMENTOS DE CELEBRIDADES QUE NÃO DERAM CERTO

  7. AS GOSTOSAS QUE FIZERAM SUCESSO E DEPOIS TOMARAM CHÁ DE SUMIÇO

  8. OS TOP 10 MAIORES ESCÂNDALOS SEXUAIS DE TODOS OS TEMPOS

  9. A MALDIÇÃO DO SUPERMAN

  10. 10 SEGREDOS QUE HOLLYWOOD TENTA ESCONDER

COMENTÁRIOS:

comments powered by Disqus

CURTA O ACIDEZ MENTAL NO FACEBOOK

Recomende o Acidez Mental para seus amigos


Dê uma olhada nos arquivos. Tem muita coisa legal guardada lá!


Vá para a página principal